Casa de Cultura Jorge Amado. foto Clodoaldo Ribeiro-4

Casa de Cultura Jorge Amado – foto Clodoaldo Ribeiro

A Secretaria Municipal da Cultura de Ilhéus (Secult) divulgou, nesta terça-feira (7), os vencedores do concurso Crônicas de Gabriela. Realizado em parceria com a Academia de Letras de Ilhéus e Livraria Papirus, o concurso escolheu três trabalhos, por conter originalidade, criatividade e ineditismo.

Rafhael Andrade Gonçalves, do município de Jitaúna, conquistou o primeiro lugar, com a crônica “Nem cravo, nem canela, flor de graxa do Malhado”. O segundo classificado foi Gabriel Sales Macedo, de Itabuna, com o texto “Especiarias para uma janta diuturna”. O terceiro lugar ficou para Gracielle Sales Macedo, de Ilhéus, com a crônica “Cravo, canela e passas”.

Os vencedores receberão um kit de livros de Jorge Amado, incluindo “Gabriela, cravo e canela”, patrocinado pela Livraria Papirus. O primeiro lugar recebe um smartphone, e todos os participantes receberão certificado de participação fornecido pela Secult. O concurso teve como objetivo recordar os 60 anos do romance “Gabriela, Cravo e Canela”, do escritor Jorge Amado, e possibilitar sobre a reflexão do papel da mulher na sociedade.

A solenidade de premiação está marcada para sexta-feira (10), a partir das 17 horas, no Teatro Municipal de Ilhéus, durante as festividades do aniversário do escritor. O secretário da Cultura, Pawlo Cidade, afirma que “concursos que estimulem a criatividade literária e enalteçam nossos principais escritores fortaleçam nossa memória serão sempre incentivados. Já fizemos um concurso de poesia, agora este de crônicas, e depois será a vez do romance”.

A comissão julgadora foi composta por Josevandro Nascimento, Maria José Caldas Schaun, Gustavo Cunha Carvalho da Silva, Neuza Maria Kerner Vieira e Geraldo Lavigne de Lemos, membros da Academia de Letras de Ilhéus.

(Fonte: Secom Ilhéus)