Câmara de Itabuna lamenta a morte do ex-vereador e radialista Roberto de Souza

0
39

O presidente da Câmara de Itabuna, vereador Ricardo Dantas Xavier, lamentou a morte de Roberto de Souza. Ex-membro do Legislativo itabunense e radialista, Roberto de Souza faleceu aos 58 anos no início da manhã desta terça-feira, dia 17, em Salvador, onde fazia tratamento clínico.

“Não apenas o Legislativo, mas a Comunicação e a sociedade itabunenses estão de luto com a morte prematura do amigo Roberto de Souza. Vereador por quatro mandatos, de 1997 a 2012, ele teve uma atuação marcante na Câmara de Itabuna, onde foi secretário da Mesa Diretora. Fui seu colega em dois mandatos. Em nome de todos os membros desta Casa, eu me solidarizo, nessa hora de dor, com a família e os amigos em luto”, acrescentou Ricardo Xavier.

Na condição de radialista, Roberto de Souza produziu, nas manhãs dos sábados, o programa “Resenha da Cidade”, que foi apresentado nas três emissoras de Rádio AM de Itabuna.  Líder de audiência no horário das dez ao meio-dia, o “Resenha” completou 22 anos no ar no último mês de novembro.

Nascido em Itabuna em 30 de outubro de 1961, Roberto Tadeu Pontes de Souza, além de radialista, formou-se em Agronomia. Casado com a advogada e ex-presidente da FICC Sandra Ramalho, deixa três filhos: o bacharel em direito Roberto Ramalho, Paulo e Natália. Filho do ex-juiz de direito Paulo de Souza e da professora Olga Pontes, ambos já falecidos, Roberto era irmão do engenheiro Saulo Pontes, diretor do Derba, e do advogado Paulo Pontes.

O corpo de Roberto de Souza está sendo transladado de Salvador para Itabuna, onde deverá chegar no final da tarde, e será velado no plenário da Câmara de Vereadores. O sepultamento está previsto para às 10 horas desta quarta-feira, no Cemitério Campo Santo.

Publique seu comentário