WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


secom bahia teatro itabuna

:: ‘entulho’

Canteiro da Severino Vieira acumula entulho

Um dos canteiros da Rua Severino Vieira, no Malhado, em Ilhéus, acumula entulho.

Um dos canteiros da Rua Severino Vieira, no Malhado, em Ilhéus, acumula entulho. Moradores estão insatisfeitos com a situação e esperam que a prefeitura tome um atitude para a limpeza pública do local.

Poeira e entulho incomodam moradores na zona sul de Ilhéus

A obra da Creche Escola, localizada na rua do CAIC, no Loteamento Santo Antônio de Pádua, divisa com o bairro Hernani Sá, zona sul de Ilhéus está completamente abandonada.

Moradores da rua do CAIC, no Loteamento Santo Antônio de Pádua, divisa com o bairro Hernani Sá, zona sul de Ilhéus, reclamam da poeira e do entulho que toma conta do local. Solicitam que a prefeitura adote uma providência diante à situação. Foto Dilson Santana.

Casarão abandonado vira depósito de entulho no Centro de Ilhéus

cs 2

Imagem enviada pelo leitor via WhatsApp.

Um grande imóvel com fachada antiga, onde funcionou uma repartição da Marinha, segundo informações de antigos moradores do Centro de Ilhéus, se transformou em um imenso depósito de lixo e entulho. O casarão fica localizado na esquina entre às ruas Santos Dumont e Conselheiro Dantas, ao lado do prédio Misael Tavares e de Rosa Restaurante, próximo também ao supermercado Alana e ao ponto de ônibus da Rua Tiradentes, em frente a Elclin.

Muitos ouvintes do programa Verdade Bem Dita, da FM Conquista 105.9, entre às 12h e 13h30min, apresentado pelos radialista Demmys Dórea e Francisco Seixas (Chicó), têm ligado para reclamar de imóveis em situação de abandono, por toda a cidade, principalmente, pelo fato de que os mesmos se transformam, em sua maioria, em depósitos de resíduos e pontos de ocupação irregular.

:: LEIA MAIS »

Fiscalização será intensificada para inibir descarte de entulho nas ruas de Ilhéus


A Prefeitura de Ilhéus, por meio das secretarias de Meio Ambiente e Urbanismo (Sema) e de Serviços Urbanos (Secsurb), está intensificando a fiscalização de posturas para inibir o descarte de entulho nas ruas da cidade, fato que tem se avolumado nos últimos dias. Por determinação do prefeito Jabes Ribeiro, a equipe de fiscalização integrada, coordenada pela Secretaria de Meio Ambiente, vai atuar de forma ostensiva e poderá aplicar multa no valor de um salário mínimo (R$ 880) em quem for flagrado descartando esse tipo material em vias públicas.

Nas últimas semanas, tem crescido o número de locais que foram transformados em pontos viciados para despejo, principalmente, de restos de material e lixo de construção. O prefeito explica que “essa prática irresponsável acaba por invalidar o trabalho constante de manutenção das vias públicas, inclusive a regular coleta de lixo domiciliar. Estamos fazendo intervenções para termos uma cidade mais limpa no período de alta estação, quando a população aumenta em virtude do grande número de visitantes”.
:: LEIA MAIS »

Lixo e entulho “largados” há meses gera incomodo no Hernani Sá

Acúmulo de entulho no eixo A, bairro Hernani Sá.

Acúmulo de entulho e lixo no eixo A, bairro Hernani Sá.

Mau cheiro, poluição visual, impedimento de utilização da calçada, atrativo de insetos e outros animais vetores de doenças, são os problemas enfrentados diariamente pelos moradores e visitantes do eixo local A, no bairro Hernani Sá, em Ilhéus. Um monte de entulho e lixo foram despejados em frente ao terreno de número sete, há dois meses e continua no local até a presente data. De acordo com alguns moradores, neste local morava há 10 anos, um inquilino estrangeiro, de naturalidade alemã,  que seria catador e acumulador de quinquilharias e “sujeiras”.

Um morador próximo do local, informou que na referida casa não havia sequer sanitário e o ocupante fazia suas necessidades fisiológicas em baldes de tinta, acumulando também fezes. “Quando o proprietário despejou o alemão, simplesmente ele (o dono do local) catou o cobre e alumínio, queimou as roupas sujas do gringo, que ficou pegando fogo por três dias, e largou os baldes de fezes e o resto do lixo na porta do lugar”, relatou.

Depois do despejo do estrangeiro, alguns catadores de lixo reviraram objetos e derrubaram os baldes, o que espalha o mal cheiro na localidade, os moradores se preocupam que a situação piore nos períodos chuvosos. Uma fonte nos revelou que o proprietário do terreno, alega que o problema é do vizinho, e que ele (o dono do imóvel) não vai adotar nenhuma providência para retirar os objetos e dejetos do local.



WebtivaHOSTING | webtiva.com . Webdesign da Bahia