WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


:: ‘Urbis’

Falta de manutenção transforma praça e campo de futebol em pastos na Urbis

Uma praça e um campo de futebol no caminho 42, do bairro Hernani Sá (Urbis), zona sul de Ilhéus, transformaram-se em pastos, onde o gado anda solto, danificando a vegetação e as poucas edificações que restam no local. Moradores também andam preocupados que os animais possam trazer algum risco a saúde coletiva, já que não há uma fiscalização efetiva do centro de zoonoses.

WhatsApp Image 2019-06-11 at 19.40.05(1)

WhatsApp Image 2019-06-11 at 19.40.05

 

Chuva agrava esgoto a céu aberto no Caminho 41 da Urbis

Nós p

Nós publicamos matéria no mês passado sobre o esgoto a céu aberto no Caminho 41, bairro Hernani Sá (Urbis), zona sul de Ilhéus. Até o momento não foi realizada nenhuma intervenção para desobstrução da rede de esgoto. Os moradores estão na broca com a prefeitura e esperam um apoio para resolver o problema. Até quando terão que esperar?

Moradores sofrem com esgoto a céu aberto no Caminho 41 da Urbis

Moradores do caminho 41 do bairro Hernani Sá (Urbis), zona sul de Ilhéus, alegam abandono por parte do poder público. De acordo com um morador a desobstrução da caixa de esgoto foi solicitada diversas vezes a Secretaria de Infraestrutura e o setor não solucionou o problema. Ainda de acordo com o reclamante a Embasa informa que a responsabilidade, neste caso, é da prefeitura municipal. Outro fator que preocupa a população é a infestação de mosquitos, vetores de diversas doenças. Além disso, o fedor insuportável afeta drasticamente a vida social da comunidade.

Feijoada do Bem acontece nesta sexta (21) na Urbis, em Ilhéus

feijoadadobem

A Associação da Urbis promove nessa sexta-feira, dia 21, feriado nacional de Tiradentes, a Feijoada do Bem, em prol de Jorge Corujão, muito conhecido na cidade no ramo de bares e lanchonetes, antigo proprietário do bar Corujão, que ficava na Avenida Soares Lopes. Jorge enfrenta problemas de saúde e está em tratamento.

O evento começa a partir das 10h, na Associação da Urbis, praça principal do bairro Hernani Sá, a partir do meio-dia terá som ao vivo, quem quiser comprar o almoço o valor custa R$ 10, a arrecadação com as vendas será revertida em doação para os cuidados com Jorge Corujão.

Prefeitura de Ilhéus realiza limpeza dos canais do Malhado e da Urbis

A Operação Cidade Limpa, que está sendo empreendida sob a coordenação do prefeito Mário Alexandre, realiza também a limpeza dos canais existentes nos bairros do Malhado, na zona norte, e do Hernani Sá (Urbis), na zona sul. O prefeito acompanhou as atividades de limpeza do canal do Malhado, nesta quinta-feira, 12, juntamente com os secretários municipais de Serviços Urbanos, Jorge Cunha, e o superintendente de Infraestrutura e Obras, Hermano Fahning.

No Malhado, a limpeza inclui toda a área ao lado do Colégio Estadual de Ensino Profissionalizante (CEEP), que está sendo feita com o uso de máquinas. A Prefeitura estuda o aproveitamento do espaço livre naquela área para a instalação de um equipamento de uso para a comunidade. Na ocasião, o prefeito Mário Alexandre destacou que “cidade limpa é dever de todos, não só para atrair o turista, mas também para garantir a qualidade de vida do ilheense”.

:: LEIA MAIS »

Lordão se apresenta na praça da Urbis nessa quinta (02)

Em comemoração do mês de aniversário da Gabriela FM, o Estúdio Ao Vivo apresentará um super show do Lordão nessa quinta-feira, 2 de junho, às 20h, na praça da Urbis, em Ilhéus.  O bairro será o primeiro a receber o Estúdio Ao Vivo, evento de comemoração de aniversário da emissora, depois acontecerá toda semana em um local diferente. A atividade da Gabriela FM tem a  parceria da Secretaria de Esportes e Turismo de Ilhéus.

lordão

 

Mato alto e focos do Aedes em “campinho” preocupam moradores da Urbis

Campinho (foto enviada por um leitor).

Campinho (foto enviada por um leitor).

Um campo de futebol em más condições de conservação e falta de capinagem, preocupam moradores próximos do local, que fica no caminho 7 , eixo local B, no bairro Hernani Sá, em Ilhéus. Um morador da Urbis informou que no passado o espaço servia como área de lazer, e hoje tornou-se local de água empossada e parada, o que favorece a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zika e  chikungunya.

Neste terreno o mato está alto e tem vários materiais pequenos descartados, que servem também para acumular água. A noite o local tem pouca iluminação e várias lâmpadas estão queimadas, fato que causa insegurança e incertezas para os poucos comerciantes locais. Um vendedor relatou que vários vereadores foram ao local, porém nada foi feito. “Aqui na comunidade temos vereadores, mas não tivemos a atenção que esta área daqui precisa, poderia ser melhor cuidada, com a retirada do mato, a melhoria das instalações e a colocação das lâmpadas”, pontuou.

Um mulher  foi picada por uma cobra, no campinho, conforme foi publicado no site Reclame Boca, leia a reportagem.

Lixo e entulho “largados” há meses gera incomodo no Hernani Sá

Acúmulo de entulho no eixo A, bairro Hernani Sá.

Acúmulo de entulho e lixo no eixo A, bairro Hernani Sá.

Mau cheiro, poluição visual, impedimento de utilização da calçada, atrativo de insetos e outros animais vetores de doenças, são os problemas enfrentados diariamente pelos moradores e visitantes do eixo local A, no bairro Hernani Sá, em Ilhéus. Um monte de entulho e lixo foram despejados em frente ao terreno de número sete, há dois meses e continua no local até a presente data. De acordo com alguns moradores, neste local morava há 10 anos, um inquilino estrangeiro, de naturalidade alemã,  que seria catador e acumulador de quinquilharias e “sujeiras”.

Um morador próximo do local, informou que na referida casa não havia sequer sanitário e o ocupante fazia suas necessidades fisiológicas em baldes de tinta, acumulando também fezes. “Quando o proprietário despejou o alemão, simplesmente ele (o dono do local) catou o cobre e alumínio, queimou as roupas sujas do gringo, que ficou pegando fogo por três dias, e largou os baldes de fezes e o resto do lixo na porta do lugar”, relatou.

Depois do despejo do estrangeiro, alguns catadores de lixo reviraram objetos e derrubaram os baldes, o que espalha o mal cheiro na localidade, os moradores se preocupam que a situação piore nos períodos chuvosos. Uma fonte nos revelou que o proprietário do terreno, alega que o problema é do vizinho, e que ele (o dono do imóvel) não vai adotar nenhuma providência para retirar os objetos e dejetos do local.



WebtivaHOSTING | webtiva.com . Webdesign da Bahia