embasa


Ilhéus: Agência do Bradesco atrasa obra e coloca pessoas em risco

0
158
Objetos no teto, em condições inseguras, coloca em risco clientes e funcionários.

Objetos no teto, em condições inseguras, coloca em risco clientes e funcionários.

Enquanto a obra de reforma do teto da agência do Bradesco 3519, no anexo do prédio Edifício Cidade de Ilhéus, no Centro da cidade, não for concluída, bancários e clientes continuam expostos à insalubridade, por causa da poeira; e riscos de acidentes físicos, devido a exposição de fios elétricos, tubulações e barras de ferro, em condições inseguras.

A gerência regional do banco informou que a previsão de conclusão da obra é para 10 de abril. Porém, daqui até lá, um outro problema enfrentado na unidade é o calor excessivo, que a instituição sinalizou que resolveria na última sexta-feira (22), e nada foi adotado para sanar esse transtorno.

O Sindicato dos Bancários de Ilhéus indica que, se a reforma não for concluída até a próxima segunda-feira (1º), terá que interditar a agência por insalubridade e risco de acidente. “Um calor absurdo, poeira em todos os setores. Apenas um ar split para toda agência, onde não adianta em nada. Tenho receio que algum objeto do teto possa cair na cabeça de alguém. Desse jeito não dá pra continuar”, avalia um dirigente sindical.

Publique seu comentário