secom bahia


Treinamentos e consultoria reforçam orientações para Acreditação do Hospital Regional Costa do Cacau

0
97

Durante a primeira quinzena de outubro, o Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, teve uma agenda intensa de treinamentos que reforçam as orientações para alcançar a Acreditação Hospitalar. Essas atividades compõem o cronograma mensal de ações da unidade, em busca da certificação de qualidade e segurança da assistência no setor de saúde.

Para compor as diretrizes, regras de condutas, processos de gerenciamento de risco, cumprimento de legislações, parte dos profissionais do HRCC fizeram um curso online de Políticas Institucionais – Estruturação, Implantação e Acompanhamento, ministrado pela professora Marília Melo Damasceno, consultora de gestão em saúde. Esse importante treinamento orienta a definição de políticas que são utilizadas em toda instituição, por todos os colaboradores, desde alta direção até as equipes operacionais.

Outros treinamentos como de: Mapa de Processos; Cadeia – Cliente / Fornecedor; Procedimento Operacional Padrão (POP) e Procedimento Sistêmico (PS), foram conduzidos presencialmente, pela consultora Isabela Annicchino, da CGQ – Consultoria e Gestão da Qualidade. A consultora ressaltou a importância dos registros padronizados de toda documentação que o hospital deve ter, com controle de versões, para que as rotinas sejam estabelecidas e seguidas e possam identificar fragilidades que possam ser melhoradas, atendendo um ciclo de melhoria contínua.

Isabela Annicchino durante sua consultoria no HRCC visitou vários setores, a maioria deles assistenciais para a implementação do manual da Organização Nacional de Acreditação (ONA), nível 1, relacionado a estrutura do hospital. “Quando se fala em estrutura, não é só predial, mas também em relação às pessoas, às capacitações, a qualificação desses profissionais e o desenho dos processos. O que existe no hospital, o que atende ao manual da ONA, o que a unidade tem, que garante a segurança do paciente, no quesito qualidade assistencial”, destacou.

A consultora ainda relatou o empenho dos profissionais do HRCC em busca da Acreditação Hospitalar. “Vejo muita participação e engajamento das pessoas, não é possível acreditar um hospital, sem acreditar nas pessoas, desde a alta direção, muito empenhada, até a parte operacional. Todos estão sensibilizados que a meta é realmente o selo de qualidade. Inclusive, esses funcionários sentem que isso é um ganho, um crescimento profissional, um desenvolvimento de cada área. Estamos dando andamento ao processo de preparo de toda equipe para conquistar esse objetivo”, concluiu.

Publique seu comentário